top of page

Os indicadores APICS SCOR® de nível 1 e como implementá-los



O modelo SCOR® (Supply Chain Operations Reference) da APICS fornece um framework abrangente para avaliar, melhorar e comunicar as atividades da cadeia de abastecimento.


No nível mais alto (Nível 1), o SCOR® define cinco indicadores de desempenho primários (KPIs) para avaliar o desempenho global da cadeia de abastecimento:


1. Confiabilidade (Reliability)

Este KPI avalia a capacidade de uma empresa entregar o produto correto na quantidade certa e na data e local certos.


2. Reatividade (Responsiveness)

Este KPI mede a velocidade com que a cadeia de abastecimento pode responder a uma mudança na demanda ou no fornecimento.


3. Agilidade (Agility)

Este KPI avalia a capacidade da cadeia de abastecimento de responder a riscos externos ou mudanças no mercado, como novos concorrentes ou mudanças nos regulamentos.


4. Custos (Costs)

Este KPI contabiliza os custos associados à operação da cadeia de abastecimento, como custos de produção, transporte e armazenagem.


5. Ativos (Assets)

Este KPI analisa a eficácia na utilização dos ativos, como inventário, contas a receber e instalações, para entregar valor ao cliente e aos acionistas.



Melhor abordagem para implementá-los


1. Diagnóstico e Análise Inicial

Faça uma auditoria completa da sua cadeia de abastecimento existente para entender como ela está atualmente em relação a esses indicadores de nível 1.


2. Alinhamento Estratégico

Certifique-se de que os KPIs de Nível 1 estão alinhados com os objetivos estratégicos da empresa.


3. Coleta de Dados

Implemente sistemas de coleta de dados que podem fornecer informações precisas e atualizadas sobre esses KPIs.


4. Estabelecimento de Metas

Com base na análise inicial e no alinhamento estratégico, estabeleça metas claras e alcançáveis para cada KPI.


5. Treinamento e Conscientização

Treine sua equipe sobre a importância desses KPIs e como eles afetam o desempenho da cadeia de abastecimento e da empresa como um todo.


6. Implementação e Monitoramento

Implemente melhorias e monitore constantemente o desempenho em relação aos KPIs estabelecidos. Utilize ferramentas como dashboards para rastrear o progresso em tempo real.


7. Ajustes e Otimizações

Faça ajustes na estratégia com base no desempenho e nas mudanças nas condições do mercado. Mantenha uma abordagem de melhoria contínua.


8. Relatórios e Comunicação

Mantenha todas as partes interessadas informadas sobre o progresso, desafios e sucessos através de relatórios regulares e comunicações claras.


9. Avaliação e Revisão

Faça avaliações periódicas para garantir que os KPIs ainda são relevantes e estão alinhados com os objetivos estratégicos da empresa. Ajuste conforme necessário.


A implementação bem-sucedida de indicadores de SCOR® de Nível 1 requer um compromisso de toda a organização, desde a alta gerência até os funcionários da linha de frente, bem como a colaboração com parceiros da cadeia de abastecimento.

 

Com profissionais com vasta experiência no setor, a MRP-N Consultoria pode apoiar sua organização na jornada da transformação digital para o S&OP / IBP, entre em contato agora mesmo com nossa equipe e saiba como:


✉ contato@mrpnachbar.com

💻 www.mrpnconsultoria.com

☎ +55 (11) 9 4387-2772 (WhatsApp)



 

Texto elaborado por:

Michel Nachbar, APICS CSCP® | MBA | SAP® IBP Certified

Associate Partner @ MRP-N Consultoria | SAP® Edge Partner

empowered by ChatGPT®


Possui carreira consolidada desenvolvida em empresas multinacionais de renome tais como Procter & Gamble, Coca-Cola, Barry-Callebaut, Chr-Hansen e Martin-Brower, onde atuou em cargos de liderança para gestão de supply chain e implementação de tecnologia em empresas.


Hoje está a frente da MRP-N Consultoria a + 6 anos, empresa boutique em desenvolvimento e aconselhamento na implementação do roadmap (plano estratégico) da gestão de projetos e melhorias das melhores práticas na gestão da cadeia de abastecimento incluindo processos, tecnologia e mudanças organizacionais, atuando com multinacionais, tais como, Coty (Savoy), MARS, Coca-Cola KO, Faber-Castel, Ypê (Química Amparo), Ontex, e empresas nacionais em grande ascensão, dentre elas, Brasilata, Gerdau, Hinode, Intelbras, e TMG.

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page