top of page

Estratégias de gestão de dados mestres para garantir eficiência no supply chain



A gestão de dados mestres desempenha um papel fundamental na eficiência da cadeia de abastecimento, garantindo a precisão e integridade das informações sobre produtos, fornecedores, clientes e outros elementos críticos. Para garantir a eficiência do supply chain, é importante estabelecer cuidados com a estratégia de gestão de dados mestres.


Abaixo, apresentamos uma tabela com atividades preventivas e corretivas, juntamente com a frequência e os responsáveis por cada uma delas:


Descrição das Atividades


1. Avaliação de Qualidade dos Dados Mestres:

Avaliar a qualidade geral dos dados mestres, incluindo integridade, precisão e atualização.


2. Implementação de Padrões de Dados:

Estabelecer padrões e diretrizes para a criação e manutenção de dados mestres.


3. Treinamento de Usuários e Colaboradores:

Treinar equipes e usuários em práticas adequadas de gestão de dados mestres.


4. Monitoramento de Conformidade com Padrões:

Monitorar continuamente se os dados mestres estão em conformidade com os padrões estabelecidos.


5. Revisão e Aprimoramento de Processos:

Rever e melhorar os processos relacionados à gestão de dados mestres.


6. Testes Regulares de Integração de Dados:

Realizar testes para garantir a integração adequada de dados em sistemas e aplicativos.


7. Correção de Dados Inconsistentes:

Corrigir imediatamente dados inconsistentes ou incorretos.


8. Investigação de Problemas de Qualidade de Dados:

Investigar a causa de problemas relacionados à qualidade de dados.


9. Implementação de Ações Corretivas:

Implementar ações para corrigir problemas identificados.


10. Auditoria de Dados Irregulares:

Realizar auditorias para identificar e corrigir dados irregulares.


11. Resolução de Discrepâncias de Dados:

Resolver discrepâncias ou conflitos de dados.


12. Avaliação de Impacto nas Operações:

Avaliar o impacto das ações de correção e das atividades corretivas nas operações da cadeia de abastecimento.


Certifique-se de que a equipe de gestão de dados mestres tenha um papel central na execução das atividades preventivas e corretivas. Além disso, é importante documentar todos os procedimentos e resultados das atividades para garantir a transparência e a rastreabilidade. A gestão de dados mestres eficaz é essencial para manter a integridade e a eficiência do supply chain.

 

Com profissionais com vasta experiência no setor, a MRP-N Consultoria pode apoiar sua organização na jornada da transformação digital para o S&OP / IBP, entre em contato agora mesmo com nossa equipe e saiba como:


✉ contato@mrpnachbar.com

💻 www.mrpnconsultoria.com

☎ +55 (11) 9 4387-2772 (WhatsApp)



 

Texto elaborado por:

Michel Nachbar, APICS CSCP® | MBA | SAP® IBP Certified

Associate Partner @ MRP-N Consultoria | SAP® Edge Partner

empowered by ChatGPT®


Possui carreira consolidada desenvolvida em empresas multinacionais de renome tais como Procter & Gamble, Coca-Cola, Barry-Callebaut, Chr-Hansen e Martin-Brower, onde atuou em cargos de liderança para gestão de supply chain e implementação de tecnologia em empresas.


Hoje está a frente da MRP-N Consultoria a + 6 anos, empresa boutique em desenvolvimento e aconselhamento na implementação do roadmap (plano estratégico) da gestão de projetos e melhorias das melhores práticas na gestão da cadeia de abastecimento incluindo processos, tecnologia e mudanças organizacionais, atuando com multinacionais, tais como, Coty (Savoy), MARS, Coca-Cola KO, Faber-Castel, Ypê (Química Amparo), Ontex, e empresas nacionais em grande ascensão, dentre elas, Brasilata, Gerdau, Hinode, Intelbras, e TMG.

Posts recentes

Ver tudo

留言


bottom of page